Logo ClickeAprenda
POR

A arte de irritar


Publicada em: 00/00/0000

 

Irritar é uma arte rica em detalhes. Tão rica e complexa que até hoje ninguém se deteve exaustivamente sobre ela. Não há, até onde eu sei, nenhum manual ou enciclopédia que trate especialmente desse tema.

Tanto melhor para mim! Pois o que vou propor aqui traz a marca do pioneirismo e da audácia de um espírito.

Um espírito, aliás, que de tanto se irritar com as pequenas e grandes coisas dessa pequena grande vida, decidiu elaborar o primeiro e mais detalhado manual da arte de irritar!

Acalmem-se. Não se irritem, queridos leitores! Eu me explico. O meu objetivo aqui é elaborar uma espécie de enciclopédia ou texto contendo tudo o que é possível saber sobre essa arte milenar, a arte de irritar, e Рpor que não? Рa arte de ser irritado também.

Como j√° se pode antever, a minha pesquisa deve descer √†s ra√≠zes profundas do sentimento humano, mas – √© bom que se diga desde j√° – ela n√£o se aproxima nenhum pouco das especula√ß√Ķes que est√£o em jogo na Filosofia. A minha abordagem, o meu ponto de vista √© o mais concreto poss√≠vel. Isso significa que eu n√£o vou falar sobre a irrita√ß√£o em geral, mas sobre situa√ß√Ķes concretas e singulares. T√£o concretas como um pernilongo que interrompe nossa noite de sono. T√£o singular como um celular que se recusa a funcionar no exato momento em que mais precisamos dele. √Č sobre isso, enfim, que eu desejo falar, sobre as irrita√ß√Ķes nossas de cada dia.

A grande diferen√ßa em rela√ß√£o √† sabedoria popular est√° no fato de que o meu estudo pretende ser rigoroso, isto √©, ele pretende abarcar todos os fen√īmenos ligados √† arte de irritar.

Trata-se, sem d√ļvida, de um projeto pra l√° de ambicioso, mas que considero perfeitamente realiz√°vel, haja vista minha extensa experi√™ncia de irritante e de irritado.

 

Bem... Deixemos de lado essa prosa irritante e passemos ao capítulo inicial da minha enciclopédia, o capítulo referente à família (existe lugar mais propício à irritação do que esse?). O primeiro tópico a ser considerado trata dos filhos, mais exatamente da relação dos filhos com os pais e vice-versa. O que mais irrita os pais? O que mais irrita os filhos? Não percam o próximo capítulo dessa novela! Leiam as próximas notícias e fiquem sabendo mais sobre a arte milenar de irritar.




Redes Sociais

Conteúdos Especiais


Powered by CLICKIDEA