Logo ClickeAprenda
X

Sua assinatura expirou :(


Queremos continuar com você na sua aprendizagem,
escolha um plano de assinatura e aproveite todos os nossos recursos!

R$24,90 / mês

Mensal

R$21,90 / mês

Trimestral

R$19,90 / mês

Semestral

R$14,90 / mês

Anual

Ao finalizar o procedimento, você receberá um e-mail de confirmação da assinatura.
Importante! Não esqueça de utilizar o mesmo e-mail de login no Clickideia para efetuar o pagamento.
FIS

Invenções de Arquimedes


Publicada em: 13/07/2009

Em uma notícia passada, falamos sobre Arquimedes e sobre algumas de suas descobertas. Mas além de decifrar enigmas como o proposto pelo rei de Siracusa, ele foi também um grande inventor.

A bomba d?água em parafuso de Arquimedes é usada até hoje

Uma de suas invenções foi a bomba d’água em parafuso. Este aparelho ainda hoje é utilizado em alguns navios para drenar água dos compartimentos, ou na agricultura para ajudar na irrigação. Ela consiste num enorme parafuso dentro de um cilindro, elevando a água conforme o parafuso gira.

Uma curiosidade é que a furadeira elétrica funciona pelo mesmo princípio. Conforme ela escava o material que está sendo perfurado, precisa retirar este material. Isto é feito pelos vãos em formato de parafuso que a ponta da furadeira possui.

Outro exemplo: quando temos que mover um objeto de peso considerável, usamos a alavanca. Esta é uma maneira bastante simples e prática de aplicar uma força muitas vezes maior do que somos capazes sem aparelhos. Os princípios da alavanca também foram descobertos por Arquimedes, que dizia: “Deem-me um ponto de apoio que moverei a Terra!”.

Sistema de espelhos foca a luz solar sobre os navios para incendiá-los

Mas Arquimedes foi também um grande guerreiro. Durante o cerco romano contra a cidade de Siracusa, ocorrido nas guerras púnicas, um grande número de invenções suas entraram na guerra. Suas catapultas faziam voar pelos ares enormes pedras que afundavam os navios à distância. E para os navios que estivessem longe das catapultas, Arquimedes inventou uma maneira de focar os raios solares usando um sistema de espelhos, como se fosse uma lente convergente. Qualquer navio que ficasse sob sua mira por tempo suficiente podia ser incendiado pelo calor do sol.

Siracusa resistiu por três anos ao cerco dos romanos, graças às máquinas do grego inventor. No fim da guerra, Arquimedes ocupava-se com um problema envolvendo circunferências. Quando um soldado romano se aproximou, Arquimedes percebeu que a cidade havia sido tomada. Ao ser levado pelo soldado, gritou “Não apague os meus círculos!”. Isto deve ter causado bastante irritação no soldado, já que Arquimedes foi morto naquele instante. Sua morte foi lamentada pelo general romano que tomara a cidade. Entretanto, a maior parte do seu legado em forma de tratados e cartas foi salva, e influenciaram em grande medida toda a Ciência Moderna.