Logo ClickeAprenda
LIT

Na Terra de Macunaíma


Publicada em: 30/08/2005

O batizado de Macunaíma, tela de Tarsila do Amaral

Macunaíma, o herói sem nenhum caráter, voltou!

Foi inaugurada no √ļltimo dia 31 de agosto uma exposi√ß√£o que conta um pouco do surgimento deste livro que se tornou cl√°ssico logo que foi publicado.

Na Terra de Macunaíma, nome com o qual foi batizada esta exposição, pretende retratar o seu momento de criação. Mas esta exposição não será em nenhuma grande capital do país como Rio ou São Paulo, e sim em Araraquara, no interior paulista... Exatamente onde o livro Macunaíma nasceu.

Afinal, foi lá onde Mário de Andrade se instalou em dezembro de 1926, na chácara Sapucaia, para começar a escrever aquele que se tornou seu mais famoso romance (ou rapsódia, como o autor definiu seu texto).

Caricatura de Lasar Segall retratando M√°rio de Andrade

A primeira versão de Macunaíma foi escrita em apenas seis dias!

√Č certo que o autor j√° havia lido muita coisa, inclusive alguns livros que levou consigo e o inspiraram bastante para a cria√ß√£o de seu personagem. Um bom exemplo é Vom Roraima zun Orinoco, do etn√≥grafo e naturalista alem√£o Theodor Koch-Gr√ľnber, onde estava registrada uma lenda ind√≠gena amaz√īnica cujo her√≥i chamava-se Macuna√≠ma.

Esse e outros livros de Mário de Andrade estão na exposição, assim como fotos, manuscritos e documentos relativos ao surgimento do livro.

√Č muito importante resgatar o universo de cria√ß√£o de obras como Macuna√≠ma.

Grande Othelo (acima) e Paulo José representaram o personagem do filme de Joaquim Pedro

Afinal de contas, elas marcaram a sua época assim como influenciaram movimentos artísticos posteriores, como o Tropicalismo e o Cinema Novo.

Aliás, Joaquim Pedro de Andrade, sobrinho de Mário, foi quem levou o herói (ou anti-herói) para as telonas. Realizado em 1969, o filme também marcou época.

Al√©m da exposi√ß√£o, tamb√©m ser√£o realizados debates e shows, tomando a obra de M√°rio de Andrade como ponto de partida. ¬ďNa Terra de Macuna√≠ma¬Ē segue at√© o dia 17 de outubro, no SESC Araraquara. A entrada √© franca.




Redes Sociais

Conteúdos Especiais


Powered by CLICKIDEA